Exercícios no inverno

Exercícios no inverno

No inverno nós geralmente comemos mais. Segundo o “dito popular”, isso acontece porque em temperaturas baixas nosso corpo precisa produzir mais e mais energia. O problema é que junto com a comilança surge também aquela barriguinha indesejada.

Para “lutar” contra essa armadilha, e desconsiderar para sempre a ideia de que é necessário exagerar na comida por causa da temperatura, existe uma “arma” muito poderosa: é o exercício no inverno.

Mas, para correr no parque ou levantar peso na academia, é preciso tomar alguns cuidados.  Durante as atividades físicas no inverno, proteja as extremidades do corpo, como mãos, pés e cabeça.

Se você for caminhar no parque Barigui, em Curitiba, por exemplo, ou em algum Spa, converse com um professor de educação física que ele poderá indicar a roupa correta. Ele indicará roupas de tecidos leves e peças que sejam fáceis de tirar como gorros e cachecóis. Algumas marcas esportivas têm peças específicas para a estação.

A Educadora Física Gizah Ferreira recomenda que além das roupas apropriadas é muito importante que se faça um bom aquecimento antes de começar os exercícios para que haja aumento na temperatura corporal e a lubrificação das articulações evitando, assim, lesões.

Outra dica para os futuros praticantes de exercício físico no inverno é a seguinte: deixe roupas secas na mochila para serem usadas logo após o treino. É um tanto perigoso continuar com as vestimentas suadas, pois o suor esfria muito rápido e pode acontecer um choque térmico.

Durante a sessão de exercícios, não esqueça da água. Como nos dias frios o ar fica mais seco o risco de irritação nas vias respiratórias é maior, por isso molhe a boca ou ingira líquidos mesmo que em pequenas quantidades a cada 5 ou 10 minutos.

Gostou das dicas de exercícios físicos no inverno? Então compartilha!

Veja também: Bebida para o inverno